fbpx

Estado de Santa Catarina deve custear tratamento de Lutécio 177 para tratamento de próstata

O Conhecedor Rangel Elias conseguiu decisão liminar na justiça de Urussanga/SC para que o Estado de Santa Catarina fornecesse o medicamento Lutécio 177 para câncer de próstata.

Assim, o Estado de Santa Catarina, na condição de administrador do plano SC SAÚDE, deverá fornecer, no prazo de 20 (vinte) dias, o tratamento com “DOT-IPEN-177” e sua respectiva aplicação até a toxidade inaceitável ou as 6 doses recomendadas, sob pena de sequestro das verbas públicas necessárias ao cumprimento forçado da obrigação.

Processo: 5001193-13.2022.8.24.0078

Compartilhe este post:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on skype

Você também pode gostar de ler: